domingo, 6 de julho de 2008


4 Hectares Alimentam:


61
pessoas plantando

Soja


24
pessoas plantando

Trigo


10
pessoas plantando

Milho


2 pessoas alimentando

Gado


Cerca de 60 milhões de pessoas morrem de fome por ano.


4 comentários:

Cauê disse...

mas ninguém come só soja, ou só trigo, ou só boi....
se querem explicar algo, não usem de falácias...

Cauê disse...

ah! mais uma coisa... eu era vegetariano e respeito muito, mas existem argumentos totalmente surreais como esse que fazem com que os vegs sejam cada vez mais discriminados...

ps - quanto já desmataram da amazônia e o do cerrado para a soja?? se forem ver os números, chega próximo e até iguala o terreno destinado para o gado...
vide blairo maggi, o maior desmatador do brasil e o barão da soja!!

Evandro disse...

Cauê, segue um link da WWF que denuncia a soja destinada para a ração animal, o que pode ajudar no entendimento do tópico.

"Cerca de 79% da soja no mundo é esmagada para fazer ração animal e 18% para produção de óleo de soja. A soja é extremamente rica em proteína, o que fortalece os animais. A demanda por carne tem aumentado a cada dia."[...]
http://www.wwf.org.br/natureza_brasileira/meio_ambiente_brasil/agricultura/agr_soja/index.cfm

Mahesh disse...

O amigo Cauê tem razão no que disse. Uma das implicações dos dados mostrados (que na verdade dão uma boa idéia, mas as quantidades podem variar) é com relação ao USO DE RECURSOS. Vemos que a produção de carne é muito ineficiente em termos de uso de terra, em relação aos outros vegetais. É por isso que, como mostra a figura, se as pessoas comessem menos carne, menos recursos seriam necessários para alimentar as pessoas. Entretanto, a figura mostra as desigualdades na distribuição de alimentos, e infelizmente esse problema não se resolve com a fartura de alimentos e mesmo com a melhoria na eficiência na produção dos alimentos. Temos hoje alimentos suficientes para alimentar bem todos os seres humanos. Por isso, a solução terá de passar por mudanças também no nosso sistema sócio-econômico, para um sistema que deixe de lado o egoísmo e centre-se no bem-estar de todos.